Ir para conteúdo

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation on 03-12-2018 in all areas

  1. 1 point
    Ainda bem que a maioria é de carinho ,apoio e suporte mútuo...mas sempre tem alguns espinhos que precisamos afastar do nosso coração para evitar ferimentos...
  2. 1 point
    Japonês se casa com um holograma de '16 anos'Por: Fernando Moreira em 12/11/18 08:20 Akihiko Kondo e Hatsune Miku Foto: AFPA mãe de Akihiko Kondo rejeitou o convite de casamento do único filho, este mês, em Tóquio (Japão). O motivo: o homem de 35 anos estava se casando com um holograma.A noiva é uma cantora em realidade virtual chamada Hatsune Miku.Nenhum parente chamado compareceu à cerimônia inusitada. A festa para celebrar a união com Miku - uma jovem de 16 anos com longuíssimos rabos de cavalo azuis - custou o equivalente a R$ 65 mil. Quarenta convidados participaram da celebração em requintado salão de festas na capital japonesa."Eu nunca a traí, sempre estarei apaixonado por ela. Penso nela o dia todo", afirmou o japonês à agência France Presse. Akihiko Kondo e Hatsune Miku, em forma de pelúcia Foto: AFP Hatsune Miku de pelúcia na cama de Akihiko Kondo Foto: AFPDesde março, Akihiko vive com o holograma de Miku, que se movimenta e fala por meio de um aparelho eletrônico, em forma de cápsula, que custa cerca de R$ 10 mil."Estou apaixonado por todo o conceito de Hatsune Miku", contou ele, que tem uma versão em pelúcia da esposa.O japonês se considera um homem casado comum. A esposa holográfica o acorda todas as manhãs e se despede dele quando Akihiko vai ao trabalho - é administrador de uma escola.À noite, quando ele diz pelo celular que está voltando para casa, Miku acende as luzes da residência e fica à espera do amado. O holograma também indica a hora em que Akihiko deve ir para a cama.Akihiko vai para a cama com a versão de Miku em pelúcia. Os dois exibem alianças. Ele, tradicionalmente: em um dedo da mão esquerda. Ela, no punho esquerdo.O casamento, obviamente, não tem respaldo legal, mas isso não faz a menor diferença para o japonês. A Gatebox, empresa que produz Miku, emitiu uma certidão de casamento. Isso basta para o japonês.https://extra.globo.com/noticias/pa...asa-com-um-holograma-de-16-anos-23228564.html HAUHauHAUHUAHAU
  3. 1 point
    Prioridade > Necessidade > Desejo.
  4. 1 point
    O problema é que muitos vivem apenas de receita e despesa. Ganha dinheiro e tem despesas que levam o dinheiro embora. Tem mês que tem mais despesa que dinheiro e em que se virar. O ideal é trabalhar com receita, despesa e investimento. É isso que planejo para 2019. Já estou com minhas contas praticamente controladas e não estou comprando quase nada a tempos. Só pagando as coisas que dividi em 10, 12 vezes. 2019 é o ano que eu quero todo mês ver quanto ganhei, ter as despesas pagas e investir algo mensalmente. Seja R$10 ou R$1000, mas sempre ter uma conta especial crescente que eu só movimente para acrescentar e nunca para diminuir. Controlando o consumismo isso é possível para todos. Independente da quantidade que você pode investir. Pois não é preciso investir muito, o importante é sempre ter tranquilidade para adicionar algo em uma conta para o futuro.
  5. 1 point
    Acho que idade não devem mudar. O que deve mudar é a forma como vemos X idade. Hoje em dia ter 60 anos não é mais como a 50 anos atrás. E com o tempo se a humanidade conseguir meios para aumentar a expectativa de vida ainda mais a nossa definição de jovem, adulto e idoso pode mudar. Hoje 60 anos é considerado idoso, mas a aposentadoria em todo o planeta já aumentou essa idade para bem mais. Pode ser que no futuro 60 anos não seja considerado mais idoso e sim 70, mas é algo complicado por que apesar de parecer positivo psicologicamente para alguns não ser chamado de idoso, é negativo por que haveria perda de direitos (estacionamento especial, preferência em filas, etc). Agora um cara com 60 anos dizer que sente que tem 20 e conseguir mudar isso em documento acho que não acontecerá. Isso é justamente o exagero das conquistas das minorias atuais. Assim como tem alguns loucos que são negros, mas se sentem como brancos e vice-versa. Se pesquisar tem todo tipo de louco no mundo. Recentemente um no Japão se casou com um holograma.
  6. 1 point
    No Brasil, muitas vezes, a família acaba sendo um embrulho de encrencas em vez de apoio e suporte mútuo.
  7. 1 point
    Nesse dia o mundo ficou mais sombrio, egoísta e frio, uma das pessoas mais brilhantes, positivas e benignas que tive o prazer de conhecer foi assassinado, Roberto Kikawa foi vitima da violência urbana de São Paulo. Ele fundou o projeto Cies (Centro de Integração de Educação e Saúde), que, com o uso de carretas, passou a levar atendimento médico-preventivo especializado, humanizado e de alta tecnologia a comunidades de alta vulnerabilidade. Seu modelo de operação, adaptando centros médicos avançados em caminhões, rendeu-lhe o Prêmio Empreendedor Social 2010, cerca de 2 milhões de pacientes do SUS atendidos por cerca de 600 profissionais envolvidos no projeto Cies. Tudo isso foi desfeito por dois bandidos... Há 60 dias ele veio falar com todo o pessoal da Santa Casa, mostrando que é possível ter um atendimento medico de qualidade e publico, a Santa Casa local se encontra em ruínas devido ao descaso de vários prefeitos, mas ele dizia que era possível mudar o jogo, infelizmente não vamos poder apreender com ele. Muito Obrigado, Dr Roberto, suas carretas reduziram a zero fila de cirurgias, exames e atendimento medico especializados, nos trouxe cura e alento, não irei esquecer o que você fez pela minha cidade e região.
  8. 0 points
    Não captam, pode ficar tranquila, mas seu celular e computador gravam o que voce fala com sua aceitação tacita, sabe aquelas permissões que voce aceita quando instala um app/programa? fique atenta no que eles pedem, pra que um app vai pedir permissão para acessar seu microfone? pra que um app precisa acessar seus contatos? se não fazer sentido não aceite.
  9. 0 points
    Desespero do coitado deve ter ido a um milhão! Imagina cansar de segurar e cair pra morte certa!
  10. 0 points
    Robôs terem direitos vai depender da IA avançar e os humanos os aceitarem como seres pensantes. Não é nada impossível isso acontecer no futuro. Mas com robôs sendo só objetos que nos obedecem sem pensar ainda acho bem tolo os que se casam ou apaixonam-se por algo que acreditam ser seu igual, mas que não pode lhes dizer "não". Já no futuro com uma IA avançada e livre arbítrio dos robôs já é outra história, mas também acho que não estarei vivo para ver isso ou uma possível guerra de independência das máquinas entre robôs e humanos. Agora um robô para cuidar da pessoa, casa ou até para sexo com certeza é interessante. Apesar disso na prática vir a diminuir a necessidade por um parceiro e talvez colocar ladeira abaixo a taxa de natalidade (que já anda caindo em países mais desenvolvidos sem nem termos os robôs sexuais populares ainda).
  11. 0 points
×