Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Brek

O tópico dos Smartphones - Android vs iOS vs Windows vs O Resto

Recommended Posts

Preço Brasil, né? Dá uma olhada no site da Apple, as operadoras normalmente dão o aparelho se tu fizer um plano.

O que é uma esculhambação. A Vivo tenta vender um iPhone 5C por 1500 já com plano smartphone 4G com franquia ridícula e mensalidade de uns 200 reais.

 

Meu Moto G tá meio sofrido, andei descuidando dele um pouco e tá cheio de defeitinhos. Pensei em voltar pro iPhone através de um 5C, mas tá imoral...

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Preço de qualquer produto da Apple aqui é ridículo. E o bizarro é ver muita gente pagando R$ 3k num telefone.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente o preço Brasil é triste, mas mesmo lá fora a Apple é considerada elitista por que mesmo o popular dela (iPhone 5c) é bem mais caro que os populares dos concorrentes como Nexus e Samsung. E sobre ser dado dependendo do plano com operadora lá fora, o mesmo vale para o iPhone 6 e nem é tão cara a diferença.

Quando eu digo popular no Brasil eu me refiro a celulares abaixo dos R$1000 como algo mínino, mas popular mesmo é no máximo R$500. Algo como um Moto E. Nos EUA o iPhone 5c é $199, mas os populares com Android são menos de $100. Por isso que a Apple nunca vai superar o Android, apesar de ter um sistema com bastante suporte dos devs.

A MS por sua vez, tem preço, mas não tem sistema. Doa a quem doer, o Win tem um visual diferente e que chama atenção, mas o suporte até hoje é péssimo. Seja pela falta de aplicativos populares quanto pela falta de suporte de aplicativos já existentes. Eu comprei o meu por conta do Xbox e ter jogos com conquistas, mas até esses jogos é minoria.

O Windows Phone 7 era péssimo e a MS sacaneou a todos quando lançou o WP8 e não permitiu que nenhum com WP7 pudesse atualizar. Já criou um certo trauma. Hoje o WP8 é melhor mesmo que o WP7, mas a falta de estabilidade é um saco. Minha esperança é o Win10, a MS com ele parece realmente estar pensando de uma forma mais ampla, mas só dou até o fim de 2016 para ela. Se até lá o WP10 ainda estiver na mesma, até eu que curto a MS estarei voltando para o Android.

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falar que o iOS nunca vai superar o Android é como falar que a Volkswagen nunca vai bater a venda de todos os outros carros. Android roda em celulares de N empresas, iOS só nos produtos Apple. Por isso não tem como comparar.

E, mesmo lá fora, temos a questão "custo/benefício". iPhone 5C é U$ 350 desbloqueado, e é muito mais telefone que os de U$ 200, como tem a obrigação de ser.

Vai dizer que Porche é menos carro só porque custa muito mais que um Volkswagen? A Apple não quer fazer produtos de U$ 100 porque ela foca em usabilidade, e não apenas em popularidade. Por isso ignoraram por tanto tempo celular com rádio, cartão SD, troca de arquivos via bluetooth. É bem difícil ferrar um iPhone. Já um Android é todo aberto, por isso muita gente troca até o teclado virtual, bota  Comic Sans como fonte padrão e rapidinho estão com uma carroça bugada nas mãos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falar que o iOS nunca vai superar o Android é como falar que a Volkswagen nunca vai bater a venda de todos os outros carros. Android roda em celulares de N empresas, iOS só nos produtos Apple. Por isso não tem como comparar.

E, mesmo lá fora, temos a questão "custo/benefício". iPhone 5C é U$ 350 desbloqueado, e é muito mais telefone que os de U$ 200, como tem a obrigação de ser.

Vai dizer que Porche é menos carro só porque custa muito mais que um Volkswagen? A Apple não quer fazer produtos de U$ 100 porque ela foca em usabilidade, e não apenas em popularidade. Por isso ignoraram por tanto tempo celular com rádio, cartão SD, troca de arquivos via bluetooth. É bem difícil ferrar um iPhone. Já um Android é todo aberto, por isso muita gente troca até o teclado virtual, bota  Comic Sans como fonte padrão e rapidinho estão com uma carroça bugada nas mãos.

Eu não estou criticando a Apple nesse ponto, estou apenas respondendo a pergunta do Góris se a Capcom fez ou não um modelo popular. Eu disse que não desde o início, mas como você surgiu com o 5c como o popular da Apple estava apenas demonstrando o quanto ele não é algo popular. Como já disse antes e você confirma, a Apple é mesmo elitista.

Você diz que a Apple foca em usabilidade, mas ao mesmo tempo ela é fechada. Ser assim é uma via de mão dupla, realmente é mais difícil ter problemas com vírus (por exemplo) no iOS, mas ao mesmo tempo ele fica limitado da usabilidade quando peca pela falta de coisas básicas como bluetooth, mas felizmente isso é passado e já existem apps third party para corrigir o problema.

Acho que se tem alguém que poderia brigar com o Android em popularidade (vendendo celulares baratos) é o Windows Phone, mas esse até hoje continua bem fraco e só o Windows 10 para salvar ele. Mas resta ver a adesão no futuro. iOS sempre será elitista, faz parte da marca mesmo.

Agora sobre "Porche é menos carro só porque custa muito mais que um Volkswagen", não foi o que quis dizer, mas com isso me lembrei que se pegarmos um Android com preço de iPhone 6 é bem possível termos algo melhor no Android.

  • Like 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Seu próximo smartphone irá de 0% a 80% de bateria em 35 minutos

Diversos smartphones top de linha incorporam a tecnologia Quick Charge da Qualcomm, que carrega a bateria mais rápido em relação a métodos convencionais. A versão 3.0, anunciada esta semana, promete uma velocidade de carregamento até quatro vezes maior. Uau.

Essa diferença é ilustrada na imagem abaixo. Em trinta minutos, uma bateria com Quick Charge 3.0 chega a 71%; sem essa tecnologia, ela atinge meros 18%. (Eles usam como referência uma bateria de 2.750 mAh.)

Quick Charge 3

De acordo com a Qualcomm, esta bateria com Quick Charge 3.0 vai de 0% a 80% em cerca de 35 minutos. Isso demoraria quase uma hora e meia no método convencional.

Normalmente, seu gadget recebe energia da tomada a uma tensão fixa, bem menor que o limite máximo da bateria. Isso restringe a menos de 7,5 watts a quantidade de energia que ele pode receber.

O Quick Charge, por sua vez, usa tensão variável para levar mais energia ao gadget, carregando-o mais rápido. Na versão 2.0, ele podia chegar a 24 watts em um conector microUSB, através de quatro níveis distintos de tensão (5V, 9V, 12V e 20V).

O que mudou na versão 3.0? Bem, agora o Quick Charge possui um algoritmo chamado INOV (Negociação Inteligente para Tensão Otimizada) que oferece uma gama ainda maior de tensão – indo de 3,6V a 20V em incrementos de 200mV. Isso significa que ele pode ajustar melhor o nível de energia que a bateria recebe, carregando-a 38% mais rápido em relação ao Quick Charge 2.0.

Isso não pode desgastar a bateria com o tempo? A Qualcomm explica que “a tecnologia tradicional para carregamento das baterias não chega nem perto dos limites máximos de energia nas baterias grandes atuais”, por isso é possível usar tensões maiores. Além disso, todo dispositivo é testado antes de receber o selo Quick Charge, e possui proteção contra picos de tensão, de corrente e de temperatura.

O Quick Charge 3.0 é compatível com portas USB tradicionais, microUSB, USB Type-C reversívele conectores proprietários. Ele pode ser implementado caso o dispositivo use processadores Snapdragon 820, 620, 618, 617 ou 430.

Para atingir as velocidades de carregamento maiores, ele exige um carregador especial. No entanto, ele é retrocompatível com modelos anteriores: ou seja, se você possui um carregador Quick Charge 2.0, poderá carregar a bateria de um dispositivo na versão 3.0 (porém a velocidades menores).

Existem mais de 40 dispositivos móveis compatíveis com o Quick Charge 2.0, incluindo o LG G4, Nexus 6, Moto X e Galaxy Note 4. Dispositivos com Quick Charge 3.0 serão lançados no ano que vem.

 

...

 

 

Novos Lumias e Surface a caminho: Microsoft convida para evento em 6 de outubro

A Microsoft está distribuindo convites à imprensa para um evento em 6 de outubro em Nova York. Ela diz que “tem algumas notícias empolgantes para compartilhar sobre dispositivos com Windows 10″. O que será?

Diversos rumores sugerem que veremos Windows Phones, um novo tablet Surface e a segunda versão da pulseira fitness Microsoft Band.

Primeiro, temos os Lumia 950 e 950 XL: rumores dizem que eles terão tela AMOLED com resolução 2560×1440, processador Snapdragon, 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento expansível por microSD. Aparentemente, ambos terão um scanner de íris para desbloquear o dispositivo; e o modelo maior deve ser compatível com caneta stylus.

Recentemente, vazaram algumas fotos do Lumia 950 XL:

microsoft-lumia-950-xl-leak-1

 

conta @evleaks do Twitter diz que este será o design do Lumia 950 XL e 950:

cityman-talkman-renders-evleaks

Além disso, esperamos ver o novo Surface Pro 4. Fontes dizem a Mary Jo Foley, do ZDNet, que ele terá basicamente o mesmo formato do seu antecessor, porém com bordas menores, fazendo com que a tela pareça maior. Ele deve manter a tela de 12 polegadas com resolução 2160×1440.

Tom Warren, do The Verge, sugere que o Surface Pro 4 terá suporte à plataforma de biometria Windows Hello, através de um leitor de impressões digitais embutido em uma nova capa com teclado. O tablet deve ser lançado em novembro.

E quanto à Microsoft Band 2? Vazaram poucos detalhes sobre ela: Mary Jo Foley diz apenas que ela roda um firmware que não é baseado no Windows 10.

 

Saberemos mais detalhes daqui a três semanas. O evento será transmitido ao vivo, e você poderá acompanhá-lo em microsoft.com/october2015event.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu Moto G 2013 tá meio sofrido. Andei descuidado com ele, levou um monte de quedas. O sensor de movimento já tá virando a tela sozinho, vez ou outra o aparelho se edsliga sozinho. Acho que já tá na hora de trocar.

Quando vi uma amiga com um ZenFone 2 fiquei apaixonado por ele e quis um também. Mas tenho tantas outras coisas em mente que fico meio assim de gastar 1,2kdilmas num smartphone.

Penso em voltar ao WP, com um Lumia 640, ou pegar até mesmo um Redmi2, qeu tenho visto bons reviews. Acho que me acostumaria com o Android extramamente modificado que vem nele. Como só vou poder comprar no próximo mês mesmo, quero ver o que sai nessse evento da Microsoft. Acho que o Windows 10 pode ressuscitar os moribundos Windows Phones.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meu Moto G 2013 tá meio sofrido. Andei descuidado com ele, levou um monte de quedas. O sensor de movimento já tá virando a tela sozinho, vez ou outra o aparelho se edsliga sozinho. Acho que já tá na hora de trocar.

Quando vi uma amiga com um ZenFone 2 fiquei apaixonado por ele e quis um também. Mas tenho tantas outras coisas em mente que fico meio assim de gastar 1,2kdilmas num smartphone.

Penso em voltar ao WP, com um Lumia 640, ou pegar até mesmo um Redmi2, qeu tenho visto bons reviews. Acho que me acostumaria com o Android extramamente modificado que vem nele. Como só vou poder comprar no próximo mês mesmo, quero ver o que sai nessse evento da Microsoft. Acho que o Windows 10 pode ressuscitar os moribundos Windows Phones.

O segredo do Lumia estará na aceitação ou não do Windows 10 pelos devs. Hoje ainda é um sistema com suporte fraco, mas a MS espera que isso mude com os aplicativos universais. Parece um bom futuro, mas na prática hoje ainda é um sistema sem o devido suporte. Se fosse pensar apenas no hoje diria que até me arrependo de ter um, pois apenas da interface ser ótima e o aparelho muito bom, é sempre triste ver algum novo jogo ou app que parece interessante, mas que só tem para iOS e Android.

E o pior que não é só app de empresas pequenas. Gigantes na popularidade como Snapchat e AngryBirds2 ainda não tem para iPhone para ter ideia. No Windows Phone ou não tem ou demora bem mais para chegar. Torcendo para que isso mude com o Windows 10 nos celulares, mas se até o fim do ano que vem estiver na mesma eu vou voltar provavelmente a ter um celular Android.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

APPLE ANUNCIA 13 MILHÕES DE IPHONES 6S VENDIDOS NO PRIMEIRO FINAL DE SEMANA

É um novo recorde, como já se esperava. A Apple anunciou hoje que bateu a marca dos 13 milhõesde unidades vendidas no primeiro final de semana, incluindo aquelas realizadas na pré-venda no dia 12. Em 2014, o recorde era do iPhone 6, com 10 milhões.

Não há diferença entre modelos, ou seja, não se sabe quantos modelos 6s e 6s Plus foram vendidos, separadamente.

Ao que parece, a Apple conseguiu finalmente acertar a produção e fabricar muito mais unidades do que nos outros anos, e desta vez os estoques estão bem abastecidos, sendo fácil encontrar aparelhos para comprar. No passado, já nos primeiros dias era um grande desafio encontrar aparelhos nas lojas.

A produção está tão grande que a Apple já anunciou mais 40 países que irão receber o novo iPhone no mês que vem.

9 de outubro:
Andorra, Áustria, Bélgica, Bósnia, Bulgária, Croácia, República Checa, Dinamarca, Estónia, Finlândia, Grécia, Gronelândia, Hungria, Islândia, Irlanda, ilha de Man, Itália, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Maldivas, México, Mônaco, Holanda, Noruega, Polónia, Portugal, Roménia, Rússia, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Suécia, Suíça e Taiwan.

10 de outubro:
Bahrain, Jordan, Kuwait, Qatar, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.

16 de outubro:
India, Malásia e Turquia.

Brasil:
Até o final do ano.

http://blogdoiphone.com/2015/09/apple-anuncia-13-milhoes-de-iphones-6s-vendidos-no-primeiro-final-de-semana/

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

IPhone nunca me interessou pelo fator custo/benefício, já que meu Moto G 2015 mais que me satisfaz.

Mas até que tenho curiosidade em botar um em mãos. Só pela curiosidade mesmo.

Tava pensando seriamente em comprar um Windows Phone agora em outubro, mas quando vi onnovo moto G naonão pensei duas vezes e gostei do aparelho.

 

Agora, a esposa é apaixonada pelo iPhone, coisa de pertencer al time mesmo, já que ela agora trabalha num salão de beleza de alto nível (fechamos o nosso anpassado,  já que a crise afetouafetou muito o setor, mas nos salões de alto nível, aqueles que cobram 350 reais por aparada nas mexas, o troço continua normal) e quase todas as clientes tem um.

 

Aí, vou poder experimentar pra ver se a experiência é tão boa quanto dizem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

IPhone nunca me interessou pelo fator custo/benefício, já que meu Moto G 2015 mais que me satisfaz.

Mas até que tenho curiosidade em botar um em mãos. Só pela curiosidade mesmo.

Tava pensando seriamente em comprar um Windows Phone agora em outubro, mas quando vi onnovo moto G naonão pensei duas vezes e gostei do aparelho.

 

Agora, a esposa é apaixonada pelo iPhone, coisa de pertencer al time mesmo, já que ela agora trabalha num salão de beleza de alto nível (fechamos o nosso anpassado,  já que a crise afetouafetou muito o setor, mas nos salões de alto nível, aqueles que cobram 350 reais por aparada nas mexas, o troço continua normal) e quase todas as clientes tem um.

 

Aí, vou poder experimentar pra ver se a experiência é tão boa quanto dizem.

Fez bem em comprar o Moto G. O WindowsPhone é algo de muito potencial que pode ficar muito bom com o Windows 10. Ou não. É uma promessa futura que ainda não sabemos se vai dar certo, mas esquecendo o futuro e pensando no presente o melhor é o Android mesmo.

Já sobre o iPhone, vou torcer para dar certo, mas com minha esposa foi parecido. Por ter uma boutique as clientes e amigas achavam estranho ela ter um Samsung Galaxy e não o iPhone "Ostentação". Certo dia roubaram o celular dela e por causa dessas aí ela quis o iPhone. Se arrepende até hoje hahaha. Não que o iPhone seja ruim, mas não é tudo o que dizem e com certeza o Android é um sistema bem mais prática e amigável.

Jurava que a interface do iPhone seria algo melhor, futurista, de tanto que falam, mas também achei bem simples e em parte até ultrapassada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×